Você provavelmente já ouviu a frase “conteúdo é rei”. Pois é isso mesmo. Uma das chaves mais importantes atualmente do mundo digital é o marketing de conteúdo.

Igrejas geralmente usam estratégia de conteúdo para construir audiência, alcançar mais membros e como uma forma a mais de evangelização.

Mas o que é exatamente marketing de conteúdo?

É uma estratégia que usa o conteúdo como ferramenta de construção de valor, é usado por empresas, mas também pode ser usado por pessoas, instituições e igrejas.

No caso, o marketing de conteúdo é um guia, e não só isso, é uma estratégia de alcance muito eficiente.

É certo que as redes sociais trouxeram uma revolução no terreno digital, pois é a partir delas que se cria a necessidade de entregar algum conteúdo.

De modo simplificado, as pessoas entram nas redes sociais para consumir conteúdo. Se sua igreja compartilhar cultos nas redes socias, muitas pessoas religiosas vão seguir sua igreja e compartilhar o conteúdo de evangelização.

Como é feito o marketing de conteúdo?

A internet é praticamente o lugar mais rico e fértil para se aplicar, em diversas plataformas, o marketing de conteúdo para igrejas. Sua igreja pode usar o YouTube, Instagram, TikTok, site, e-mail, podcasts. Cada uma dessas plataformas funciona de maneira diferente. Quanto mais conteúdo em diferentes canais, melhor para alcançar mais membros.

Para aplicar o marketing de conteúdo é preciso caminhar com as estratégias de funil. O funil de Inbound Marketing é o mais usado e seu objetivo é atrair um usuário (visitante) desde o início do processo e acompanha-lo até o final (virar um membro). Essa atração é feito com marketing de conteúdo. De modo geral, há 4 etapas:

Atrair: Para atrair a atenção do visitante é preciso que sua empresa ofereça uma solução para a dor dele. Nesse caso sua empresa precisa saber exatamente o que seu membro precisa e, através do marketing de conteúdo, sanar as dúvidas ou dores desse cliente para assim atraí-lo até você.

Converter: Depois de conseguir atrair visitantes para seu blog (ou qualquer outro canal), o próximo passo é convertê-los em membros. Forneça algum conteúdo que seja útil, mas em troca peça alguma forma de contato (e-mail, telefone) assim você o mantém em seu banco de dados.

Reter: Para incentivá-lo a visitar sua igreja, você pode usar a estratégia de e-mail marketing com conteúdo útil para ele, por exemplo, falando sobre programas e cultos em sua igreja.

Encantar: Seus membros agora serão os divulgadores de sua igreja. Nesta última etapa é importante ter comunicação e interagir com eles de forma constante.

Primeiros passos para montar uma estratégia de conteúdo

Para começar a traçar esses primeiros passos, sua igreja deve se perguntar, quem vocês querem ajudar e como vocês podem ajudar.

  • Monte uma persona: assim você entende melhor quem é sua audiência e alinha as estratégias de conteúdo segundo o que essa audiência mais precisa. Saiba como montar sua persona.
  • Trace um plano editorial: Faça um levantamento de temas, palavras-chave e tudo que for relevante para seu membro.
  • Explore diferentes plataformas: vídeo, texto, email, rede social, explore cada uma dessas plataformas e analise os resultados que cada uma oferece.
  • Construa um funil de marketing: Use as estratégias de Inbound ou Flywheel para construir a jornada do seu membro.
  • Aplique o SEO: o SEO é o mecanismo que faz com que sua igreja apareça nos resultados de busca de forma orgânica. Há alguns fatores que melhoram o SEO e um deles é através de palavras-chave que seu conteúdo vai gerar.

Se sua igreja precisa estabelecer uma estratégia sólida de marketing de conteúdo, não deixe para depois. Nós temos um time de especialistas prontos para ajudar sua igreja.